Câmara Municipal de Paços de Ferreira ajuda famílias e empresas
Redes Sociais

Noticías

Câmara Municipal de Paços de Ferreira ajuda famílias e empresas

A Câmara Municipal de Paços de Ferreira vai abdicar de cerca de três milhões de euros para continuar a ajudar as famílias e as empresas. Saiba como!

Publicado há

em

A situação pandémica atual prejudicou imensas famílias e empresas. A Câmara Municipal de Paços de Ferreira tem em conta as dificuldades do concelho e continuará a ajudar, mantendo o impostos municipais na taxa mínima para 2022.

A Covid-19 agravou financeiramente muitas famílias e empresas e, sendo o concelho de Paços de Ferreira um local muito industrializado e com muitos postos de trabalho, a Câmara Municipal de Paços de Ferreira tomou medidas para ajudar.

Uma das medidas tomadas no início do presente ano foi a redução do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para a taxa mínima (0,3%) e as empresas mais pequenas com isenção de derrama. Em reunião de executivo esta semana, foi decidido que estas medidas se manterão para 2022.

Estas medidas significam que se abdicará de “três milhões de euros a favor das famílias e das empresas do concelho” e, apesar da “conhecida situação financeira da Autarquia”, Paços de Ferreira continuará “a fazer parte do lote de Municípios com a mais baixa carga fiscal em todo o país”.

Neste sentido, as famílias com três ou mais pessoas dependentes terão uma dedução fixa no valor de 70 euros face ao IMI, enquanto que empresas com um volume de negócios até 150 mil euros serão isentos no que diz respeito à derrama.

Deixa aqui o teu comentário

Noticías

Capital do Móvel está de regresso ao Pavilhão Carlos Lopes em Lisboa

A Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF) veio comunicar a realização da Capital do Móvel em Lisboa.

Publicado há

em

A maior feira de decoração e mobiliário está de volta ao Pavilhão Carlos Lopes, em Lisboa, entre os dias 6 e 10 de julho. Esta será a segunda edição da Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF) na capital portuguesa, depois do sucesso em 2021.

Através de uma nota de imprensa, a Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF) comunicou a realização da 57ª Capital do Móvel que terá lugar, pela segunda vez, no Pavilhão Carlos Lopes, em Lisboa, entre os dias 6 e 10 de julho.

Depois de uma primeira edição em 2021, a maior feira de mobiliário e decoração pretende reunir novamente dezenas de expositores em Lisboa para mostrar o melhor que se produz na Capital do Móvel e impulsionar este setor num ponto estratégico de Portugal.

Durante quatro dias, os empresários terão a oportunidade de deixar uma marca da Capital do Móvel no polo socioeconómico mais importante do país, assim como poderão atrair novos visitantes e permitir um maior desenvolvimento das empresas locais através de novos contactos e parceiros de negócio.

Deixa aqui o teu comentário
Continuar a ler

Noticías

Última Hora: Nuno Machado e ex-militares portugueses estavam na base militar bombardeada!

Publicado há

em

Instagram

Nuno Machado e outros ex-militares portugueses foram combater na Ucrânia.

Na manhã deste domingo, dia 13 de março, a base militar onde estavam listados foi bombardeada pela Rússia, perto da fronteira com a Polónia, que fez 35 mortos e mais de 100 feridos.

Sofiya Markelov, irmã do condutor que levou os portugueses até à Polónia, afirmou em declarações à CNN Portugal que deixou de ter contacto com os militares há cerca de seis, sete horas.

“Acho muito estranho. Não quero acreditar que pode acontecer o que estamos a pensar, porque de facto são ex-militares muito bem preparados e a base é muito grande e foi atacada só uma pequena parte. Já enviei várias mensagens a todos eles e, para já, não obtive nenhuma resposta”, afirmou.

De salientar que o ataque registou pelo menos 35 mortos e 134 feridos. O ex-concorrente do reality show já não publica nada nas redes sociais há 22 horas

Saiba mais aqui.

Deixa aqui o teu comentário
Continuar a ler

Noticías

Últimas: Ex-Presidente do Banco Espírito Santo, Ricardo Salgado foi condenado!

Ricardo Salgado condenado a seis anos de prisão

Publicado há

em

O ex-presidente do Banco Espírito Santo recebeu a sentença de condenação na passada segunda-feira, dia 7 de março, a seis anos de prisão pelos crimes de abuso de confiança no processo Operação Marquês.

Em causa está o desvio de mais de 10 milhões de euros, e tendo sido comprovado pelo tribunal, o arguido terá em sua defesa a doença de Alzheimer, algo que o advogado tentou levar a cabo de forma a atenuar a pena.

Obviamente, não podemos concordar com esta decisão”, referiu Francisco Proença tentando recorrer.

Deixa aqui o teu comentário
Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

Tendências