Concelho de Paços de Ferreira com a maior captação de fundos comunitários de sempre, no concelho e na região.
Redes Sociais

País

Concelho de Paços de Ferreira com a maior captação de fundos comunitários de sempre, no concelho e na região.

Mais de 50 milhões de euros, que permitirão dotar todos os centros escolares de berçários e creches, construção de ERPI´s

Avatar photo

Publicado há

em

Saídos do Programa de Ajustamento Municipal, decorrente do empréstimo obtido junto do Fundo de Apoio Municipal, que traduzia a situação de bancarrota com que o PSD deixou o concelho em outubro de 2013, este é o primeiro ano em que o executivo do Partido Socialista tem a possibilidade de elaborar um orçamento com total autonomia e independência.

Para 2024, os eleitos do Partido Socialista apresentam um orçamento que contempla a maior captação de fundos comunitários de sempre no concelho, mais de 50 milhões de euros, que permitirão dotar todos os centros escolares de berçários e creches, construção de ERPI´s e outras estruturas sociais, requalificação das habitações sociais do concelho, requalificação das EB 2/3, requalificação do Centro de Saúde de Freamunde e construção de um novo Centro de Saúde em Paços de Ferreira.

Para além da ampliação da ETAR de Arreigada, será continuada a reabilitação urbana e repavimentação de dezenas de quilómetros de estradas no concelho, a que se junta um vasto conjunto de apoios sociais, únicos na região e no país, como são exemplo as refeições escolares gratuitas para todos os alunos do pré escolar ao 12º ano, transporte escolar gratuito, cartão municipal sénior, tarifário social e familiar na água e saneamento, projeto aprender a nadar para crianças do 1º ciclo, cheque bebé de 500 euros, colocação de pisos sintéticos em todos os clubes do concelho. E tudo isto com impostos e taxas no mínimo!

Seguindo a política de contas certas, pagando as suas contas de forma absolutamente exemplar (prazo médio de pagamento de apenas 8 dias), a Câmara Municipal de Paços de Ferreira projeta o concelho para que este se transforme num dos mais modernos e desenvolvidos concelhos da região e do país.

Para Humberto Brito, a ambição é clara: Recuperada a autonomia financeira, estamos hoje em condições de elevar o concelho a um patamar do desenvolvimento social, cultural e económico de excelência, em que todos os cidadãos contam e são destinatários diretos das nossas políticas públicas.

A gestão pública rigorosa e transparente significa que os recursos públicos são hoje alocados a garantir qualidade de vida às famílias, sempre com impostos mínimos.

No passado, o PSD fazia obras que não pagava e os apoios sociais às famílias eram inexistentes, sendo que as empresas e empresários do concelho eram desconsiderados face a empresários chegados de fora, pagando impostos máximos, como era o caso do IMI. Temos muita honra no modelo de gestão pública que concretizamos e na cultura organizacional que implementamos no município.

Por fim, os eleitos do Partido Socialista na Câmara Municipal lamentam que o partido da oposição, mais uma vez sem propostas, sem ideias e sem projetos para o concelho, se limite a atacar pessoas através de cartazes ofensivos e caluniosos, retrato da personalidade do seu líder local, procurando camuflar a sua total incapacidade de fazer política pela positiva. Infelizmente, temos hoje na oposição uma versão chega, trauliteira e mal intencionada.

Deixa aqui o teu comentário

Noticías

Parque da Cidade de Paredes recebe Corta Mato Inclusivo e reúne cerca de 150 atletas de escolas e instituições de diversos Concelhos

O evento desportivo pretende levar o desporto adaptado ao panorama nacional…

Avatar photo

Publicado há

em

Na manhã desta sexta-feira, dia 16 de fevereiro, decorreu, no Parque da Cidade de Paredes, a segunda edição do Corta Mato Inclusivo “Cidade de Paredes”, promovido pelo Município em parceria com a ANDDI – Associação Nacional de Desporto para Desenvolvimento Intelectual.

A iniciativa desportiva contou com a participação de cerca de 150 atletas de escolas e instituições de Paredes e de outros concelhos, nomeadamente, do Agrupamento de Escolas de Baltar, da Escola Secundária de Paredes, da CACI Sobrosa, do Emaús, da Fundação AJ Gomes Cunha, CERCIFEL, da APACI – Barcelos, da APADIMP – Penafiel, da APPACDM – Castelo de Paiva e da APPACDM – Trofa.

O Corta Mato Inclusivo “Cidade de Paredes”, inserido no programa municipal de desporto adaptado, contou com as provas dos escalões juvenis, escalões seniores e master de desenvolvimento intelectual e escalões seniores e masters de síndrome down e autismo.

Esta iniciativa teve como objetivo dinamizar e promover eventos inclusivos, mais concretamente, o atletismo adaptado, no panorama municipal e nacional.

Fotografias: DR

Deixa aqui o teu comentário
Continuar a ler

Noticías

Ciclista da equipa Paredes Fortunna conquista primeiro lugar em Espanha

Esta foi a primeira vez que a equipa júnior da Academia de Ciclismo Paredes Fortunna participou numa prova internacional…

Avatar photo

Publicado há

em

A Academia de Ciclismo Paredes – Fortunna alcançou resultados de excelência na etapa da Volta a La Plana, em Valência, Espanha. O ciclista Daniel Moreira distinguiu-se pela conquista de duas vitórias, num total de três etapas.

No total, a equipa conquistou a Camisola da Regularidade e somou duas vitórias pelo atleta Daniel Moreira. O ciclista David Sousa, da mesma academia, também cruzou a meta em terceiro lugar numa das provas.

Esta foi a primeira vez que os seis atletas da categoria júnior participaram numa prova internacional. A prova em Valência está categorizada para a pontuação UCI Europe Júnior.

Fotografia: DR

Deixa aqui o teu comentário
Continuar a ler

Noticías

Paços de Ferreira na liderança de desfibrilhadores automáticos

A medida surge no âmbito do programa de DAE

Avatar photo

Publicado há

em

Foram instalados, no dia 1 de fevereiro, sete desfibrilhadores automáticos (DAE) nos campos de futebol do SC Freamunde, Raimonda, Lamoso, Seroa, Sanfins de Ferreira e também no pavilhão de Arreigada, todos no concelho de Paços de Ferreira.

A medida surge no âmbito do programa de DAE em todos os equipamentos desportivos, escolas secundárias, entre outros locais, do concelho de Paços de Ferreira.

Os sete novos equipamentos juntam-se a mais 14, instalados ao longo do último trimestre de 2023. Cinco equipamentos estão em fase de licenciamento junto do INEM e serão instalados nas próximas semanas. Para além destes 26 desfibrilhadores, a autarquia pacense vai alargar a disponibilização destes equipamentos às 14 escolas básicas do concelho, processo que seguirá, em breve, para concurso público.

O concelho de Paços de Ferreira terá, assim, um total de 40 desfibrilhadores automáticos distribuídos por todas as freguesias, “número que coloca o município na liderança nacional deste tipo de equipamentos. Teremos, assim, 100% de cobertura em todos os equipamentos desportivos do concelho e também 100% de cobertura em todas as nossas escolas. No caso dos estabelecimentos de ensino, os últimos dados conhecidos revelam que, em Portugal, apenas 10% das escolas têm este equipamento instalado”, explica o município.

A par da instalação de todos estes desfibrilhadores automáticos, existem 186 operadores preparados para usar os DAE, em caso de emergência, número que continuará a crescer à medida que forem sendo instalados os restantes equipamentos.

Deixa aqui o teu comentário
Continuar a ler
Publicidade
Publicidade

Tendências